Noiva BH por Rose Quadros

Anel de noivado

07/08/2012

O noivado começou no antigo Egito e era representado por um círculo que simbolizava um ciclo que nunca acaba e o espaço interno era visto como um portal de passagem.

O anel de noivado começou a ser usado pelos romanos, mas não entrou na cultura ocidental até o século XIII. Os romanos davam a suas futuras esposas um anel com uma pequena chave. Românticos acreditam que a chave esculpida era um símbolo para proteger e acalentar o coração. Porém, para os romanos, o anel se tratava mais de um símbolo de posse do que de amor. A noiva romana recebia duas alianças. Uma de ouro para usar em público e uma outra de ferro, que ela poderia usar em casa enquanto fazia as tarefas domésticas.

A aliança é usada no quarto dedo da mão esquerda porque os egípcios acreditavam que ele continha uma veia que levava ao coração.

Na era do colonialismo na América, as mulheres recebiam um dedal como símbolo de companheirismo eterno. Elas tiravam o topo do dedal e o usavam como um anel.

O primeiro registro de uso de um anel de diamante para significar compromisso aconteceu em 1477. O duque Maximiliano da Áustria presenteou Maria de Borgonha na ocasião de seu noivado. Isso influenciou aqueles de classe social mais elevada, que começaram a dar anéis de diamante a seus entes queridos. As minas de diamante na África foram descobertos em 1870, aumentando a oferta. Como a produção aumentou com a demanda, os valores cairam e aqueles com menos recursos foram capazes de se juntar a este movimento.

No Reino Unido, Irlanda e América do Norte, os anéis de noivado são usados somente pelas mulheres e geralmente contém um diamante ou outra pedra preciosa. Em outras culturas, como é o caso do Brasil, tanto o homem quanto a mulher usam anéis semelhantes quando ficam noivos.

Como dizia Marilyn Monroe, os diamantes são os melhores amigos das mulheres! Rs! Me acabo em um brilho! Mas não posso reclamar porque eu ganhei um anel de noivado maravilhoso do maridón! Além disso, temos nossas alianças tradicionais da cultura brasileira.

Escolha as alianças com muito carinho, pois a idéia é que ela esteja representando seu amor, grudadinha ali no seu dedo, por muitos e muitos anos! Então procure conforto e uma identidade que represente o casal.

Compartilhe:

Escrito por: Mariana Reis
Topo